Gestão de Estoque: tudo que você precisa saber para ter um controle de estoque sem falhas - SPS CONSULTORIA

Gestão de Estoque: tudo que você precisa saber para ter um controle de estoque sem falhas

gestao de estoque tudo que voce precisa saber para ter um controle de estoque sem falhas
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Para o sucesso de uma empresa, vários caminhos podem ser seguidos, um deles é a melhoria do controle de estoque. Manter o controle do estoque em dia é de extrema importância para sustentar resultados positivos e garantir a eficiência empresarial.

Só assim será possível apurar seu movimento de entrada e saída de mercadorias, reduzir custos e perdas. Quer saber como você consegue fazer tudo isso de forma fácil e sem erros?

Administrar, gerenciar, seja um negócio, pessoas, ou recursos, é buscar alcançar um objetivo.

O objetivo de uma boa administração de estoque é garantir o rápido atendimento às necessidades dos clientes e com isso gerar lucro, tornando-se fundamental para o sucesso da empresa.

A falta de atenção ou um simples desconhecimento dos princípios básicos da gestão de estoque se torna um erro crucial, podendo comprometer a estrutura do seu negócio.

O estoque da empresa é, sem dúvidas, uma das fontes de recursos mais importantes para o negócio como um todo. Fazer com que o Controle de Estoque seja otimizado deve ser o foco de todos empresários e gerentes, já que os benefícios vão além de manter os itens bem organizados.

Afinal, o que é Controle de Estoque?

Controle ou Gestão de Estoque é a área responsável por gerenciar o fluxo de entrada e saída de materiais em uma empresa, gerando informações importantes que permitem:

  • Prever necessidades de compras;
  • Reduzir perdas;
  • Praticar melhores preços;
  • Ganhar desconto comprando produtos em maior quantidade;
  •  Negociar com fornecedores melhores;
  • Atender pedidos com maior agilidade;
  • Oferecer um atendimento de qualidade.

De forma simplificada, controle de estoque é registrar tudo que entra e sai da empresa.

Este controle pode ser feito de diversas maneiras, desde as formas manuais, como caderninhos, até maneiras mais eficientes e modernas como usando um Sistema de Gestão Empresarial.

De qualquer forma, é essencial entender melhor a influência dessa gestão nos resultados do seu negócio, e levá-la a sério.

Qual a importância da Gestão de Estoque para a Gestão Empresarial?

Além dos que já foram citados, quando é elaborado e feito de modo correto, o controle de estoque só traz benefícios para a empresa, independente do porte ou categoria.

Vejamos algumas vantagens específicas resultantes de uma boa gestão de estoque:

Aperfeiçoamento do Controle de Mercadorias:

Garante o não investimento em mercadorias ou produtos que ainda possuem grande quantidade no estoque, evitando excesso de produtos e perdas, por exemplo, se o item está parado há muito tempo, pode ser que esteja perto do vencimento.

Gestão de Estoque possibilita total controle de itens que sejam essenciais e tenham saídas constantes, não permitindo a ausência dos mesmos.

Fazer estimativas de vendas:

Demandas por bens e serviços não serão os mesmos durante todo o ano, um produto vende mais em determinada época do que em outras, por exemplo, ventiladores, durante o verão tem alta nas vendas, e no inverno uma baixa.

Estoque bem planejado permitirá que a empresa cumpra as exigências, e como todos sabem a principal ferramenta para aumentar a receita é o atendimento integral da demanda.

Aprimorar no planejamento da produção:

Se uma empresa fabrica produtos dependentes de matérias-primas, é evidente que a mesma precisa de um bom estoque dessas matérias-primas, evitando contratempos para que as operações sejam executadas sem problemas.

Planejar com antecedência e obter economia:

Com o estoque bem administrado, é possível cortar custos.

Por exemplo, em época de festa, a empresa consegue prevê um aumento na demanda por alguns produtos, com isso, ela pode adquirir mercadorias em quantidades maiores com antecedência, negociar preços e armazená-las para a temporada.

Quando comprado em grande quantidade e de maneira planejada, a empresa obtém descontos.

Monitoramento e relatórios:

Permite o monitoramento de estoque a todo momento.

A empresa deve saber com exatidão a quantidade de estoque para auxiliar em determinadas tarefas e decisões.

Através dos relatórios gerados pelo Sistema de Gestão é possível saber quais produtos vendem mais e quais vendem menos, facilitando na criação de estratégias de ofertas e na precificação adequada.

São inúmeros os benefícios que uma boa gestão de estoque proporciona para a empresa tornando indispensável o uso desse método.

E no caso de uma empresa sem gerenciamento de estoque? O que acontece?

De maneira adversa, a Falta de Controle de Estoque, influenciará de modo negativo, aumentando gastos de manutenção, requerendo reposições desnecessárias e trazendo efeitos prejudiciais não só para a empresa, mas também para os clientes.

Isso acaba resultando na perda de vendas, tudo isso, pelo fato de que você não conseguirá planejar adequadamente sem as informações precisas dos produtos, como quantidades em estoque, locais de armazenamento, quantidade de vendas, entre outros dados importantes.

O que o Controle de Estoque deve ter?

Alguns passos são importantes para o Gerenciamento de Estoque, é importante conhecer os procedimentos básicos e expandir através de recursos avançados que oferecem maiores acessibilidades e domínio da ferramenta.

Inventário:

Inventário é basicamente uma lista de bens e materiais, e a quantidade disponível em estoque, estando armazenados na empresa ou externamente, desde que sejam pertencentes à empresa.

Conforme o fluxo das entradas e saídas, os dados devem ser revisados e inseridas as datas de movimentação. Essa atividade previne falhas, sendo importante centralizá-la em um colaborador da equipe.

Automatização do Controle de Estoque:

A tecnologia auxilia em todo o gerenciamento de estoque e atualização do inventário.

Através de sistemas avançados é possível armazenar e controlar todas as informações de estoque de forma acessível, já por meios manuais e obsoletos, é exigido muito tempo, refletindo em custos elevados.

Utilizar um Sistema de Gestão Empresarial faz com que controles manuais sejam evitados, reduzindo consideravelmente o risco de erros e retrabalhos, permitindo também que gestores analisem relatórios de dados, fornecendo apoio em processos de tomadas de decisões e contribuindo para o aumento da produtividade.

Colaboradores treinados:

É recomendado que a equipe esteja pronta para executar as atividades de Gestão de estoque, verificando frequentemente o controle e monitorando o funcionamento.

Estabeleça uma margem para perdas:

Por melhor que seja a gestão realizada, em certos momentos, podem ocorrer perdas.

Para minimizar, é essencial definir um limite de perdas e danos e buscar manter-se dentro dessas metas.

Temos um artigo muito interessante esse assunto: Entendendo o Gerenciamento de Perdas de Produtos

Analise os custos de armazenamento:

Para pequenas empresas, o espaço utilizado para estoque, contém custos relativos. Avalie o custo e busque eficiência.

Se atente para produtos parados:

Promova os produtos parados, itens sem giro devem ser foco para estratégia específica de vendas.

O recomendado é oferecer descontos ou promoções para vendê-los mais baratos, evitando que fiquem ‘encalhados’ no estoque.

Controle de Estoque e Gestão de Vendas

Já entendemos o controle de estoque, no qual tem a função de equilibrar compras, armazenagem e entregas, controlando as entradas e o consumo de materiais, gerando movimento no ciclo de mercadoria.

Um dos indicadores de desempenho mais relevantes para essa atividade é justamente a velocidade dessa movimentação, o famoso Giro de Estoque.

Para a evolução desse indicador, deve ser levado em consideração os aspectos que podem ajudar ou prejudicar a velocidade do giro, tais como: a compra, a organização do estoque, a exposição dos produtos, promoções, atendimento e a venda.

Controle de Estoque possui diversos recursos fundamentais para tornar mais acessível a Gestão de Vendas, sendo que as mercadorias passam por diversos procedimentos para chegar até a venda, ou seja, é indispensável o relacionamento do controle de estoque com a gestão de vendas.

Gestão de Vendas engloba todas as atividades de condução da força de vendas, tornando mais completo o gerenciamento dos recursos de sua empresa.

Entenda como um Sistema de Gestão pode impulsionar o seu Controle de Estoque

Realizar o gerenciamento de estoque de forma eficiente, é um desafio que pode consumir tempo e esforço do gestor, inviabilizando outras ações de grande importância para a produtividade e andamento do negócio.

Com o intuito de facilitar esse trabalho, nós da SPS, oferecemos o SAP Business One, um software de gestão que possibilita este controle de forma simplificada e funcional.

O SAP Business One otimiza os processos através da automação, minimiza a possibilidade de erros, economiza tempo, permite integração com outros módulos, facilita operações junto aos órgãos fiscais, além de fornecer relatórios em tempo real para criação de estratégias e auxílio nas tomadas de decisões.

FONTE: Baguete

SAP BUSINESS ONE TESTE DRIVE

​A revolução digital chegou para pequenas e medias empresas

Compartilhe nosso Conteúdo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Deixe uma resposta

Fechar Menu
pt_BR
pt_BR

Agora é possível competir com os grandes!

Potencialize e obtenha maior controle sobre sua empresa em crescimento com nossas soluções

SAP Business One